História de Amor

Posted by Rune Tephix On 20:20 5 comentários

Início: fale com Mabel no celeiro nordeste da Vila Draynor

Só membros? Sim

Dificuldade: Mestre

Duração: longa (cerca de 1-2 horas)

Requisitos: missões Canto do Cisne e Receita do Desastre (submissão de Sir Amik), habilidades 77 magia, 68 construção, 68 metalurgia, 67 artesanato (impulsos temporários podem ser usados em todas as habilidades)

Itens necessários: cinzel, uma barra de aço ou mecanismo, uma barra de mithril, duas lenhas de carvalho

Recomendações: um escudo antidragão, armadura e armas corpo a corpo e combate à distância/magia, poções da oração

Inimigos para derrotar: Zenevivia (nível 246), dragão de ferro do fosso (nível 204), demônio negro do fosso (nível 172), scabaritas do fosso (nível 150), titã do fosso de pedra (nível 120), ogro do fosso (nível 62), cão do fosso (nível 52)


Falar com Mabel no celeiro nordeste da vila Draynor e a noroeste de Fred, o fazendeiro. Ela irá chorar o tempo todo e não vai parar até que obtenha seu anel de volta, que está no andar de cima. Ela estará muito perturbada para pegá-lo, então aceite ajudá-la a recuperar o anel. Suba as escadas próximas de Mabel e você vai se deparar com um pequeno labirinto de fardos de feno, com o anel na outra extremidade. Você pode empurrar um ou dois fardos de feno por movimento. A solução é:

- Ao subir, ir norte e empurrar o fardo em direção da parede oeste.

- Em seguida, empurrar os dois fardos de feno para o Sul duas vezes.

- Agora, vá a um quadrado para Leste e empurrar mais dois fardos para Sul.- Empurre o fardo único oeste de você.

- Finalmente, empurre os dois fardos de feno ao sul de você para limpar o caminho.

Pegue o anel e haverá algumas explosões e gritos no andar de baixo. Desça as escadas para ver Mabel escondida no saco. Há uma mulher, Zenevivia, nas proximidades do celeiro. Falar com ela e perguntar todas as opções e ela lhe dará uma tarefa: trazê-la um galho. Vasculhe qualquer fardo de feno para obter um e entregar para ela. Se você perguntar se você pode fazer qualquer outra coisa, ela irá pedir outro galho, repetindo esse processo. Pergunte sobre sua recompensa e continue o diálogo e ela desafiará você e Dionísio (o sábio ancião) para um duelo, aceite e ela irá se teleportar para longe.

Itens necessários para esta parte: (todos os impulsos temporários), um cinzel, uma barra de mithril, uma barra de aço (ou um mecanismo), 2 tábuas de Carvalho, boa armadura, alimentos (tubarões ou corvinas), um escudo antidragão, dois espaços livres na bolsa. Ir para Vila Draynor e falar com o sábio ancião, que vai revelar seu passado com Zenevivia e dizer que sente falta dela, um corte de cena ocorrerá mostrando aventuras que eles tiveram e uma luta até a morte ao brigarem. Ele dirá para encontrá-lo fora da casa, saia e fale com ele, que irá seguir você para Rimmington.

Você deve ir caminhando, se você teleportar ele não vai segui-lo, embora seja possível teleportar via repolho. Vá para Rimmington, para o portal da casa e falar com Dionísio. Ele tentará entrar em sua antiga casa, mas não será capaz por Zenevivia ter destruído a matriz de teleporte. Ele dirá para você encontrá-lo na casa de Hengel e Anja, "amigos" dele e para você levar um cinzel. Vá para casa da Hengel logo a leste do portal e falar com Dionísio (se necessário, aumentar sua magia para 77 agora). Pergunte sobre o que fazer (a casa é próxima do poço em Rimmington).

Ele irá explicar sobre como lascar uma tabuleta para alterar o destino do teleporte. Ele lhe dará 100 tabuletas. Use o cinzel em uma para quebrá-la e, em seguida, falar com Dionísio, que irá dizer-lhe para abrir a tabuleta. Fazer isso e aparecerá um quebra-cabeça. Existem duas metades da ligação na tabuleta. Comece com a parte de baixo. Usando as conexões à esquerda, você deve levar a magia do ponto inicial amarelo na parte inferior central até um ponto da parte superior.

Quadrados pretos, zonas mortas, impedem a condução da magia e podem atrapalhar. O mesmo para a parte de cima, que é um pouco mais difícil. A tela será fechada quando a solução estiver correta. Você deve selecionar a área e então clicar na conexão que deseja aplicar nessa área, que ficará com um contorno alaranjado quando selecionada. Veja a solução de cada uma das partes (de cima e de baixo) nessas duas imagens acima.

Se você sair de casa a qualquer momento, você deve lascar outra tabuleta (sem passar pelo enigma) para Casa e então teleportar perto de Dionísio na casa de Hengel, que requer magia 77. Estar ao lado do sábio ancião e quebrar a tabuleta danificada. Você será teleportado para a casa de Zenevivia. A casa não é segura. Se você morrer, sua lápide aparecerá em Rimmington, fora do portal da casa, e você vai ir ao seu ponto de restauração. Assim, pode ser uma boa idéia fazer esta parte no Mundo 31, uma vez que é o servidor de casas de jogadores, e portanto, há muitas pessoas lá para abençoar sua lápide.

O Ponto de restauração mais próximo é Faladore. No entanto, o anel do explorador será sempre mantido após a morte. Uma vez teleportado, falar com sábio ancião e ir para o calabouço (que é leste da entrada) e irá mostrar um corte de cena que revelará armadilhas na masmorra. Ao sair, o sábio ancião lhe dirá para trazer uma barra de mithril, uma barra de aço (ou mecanismo) e duas tábuas de Carvalho. Use a barra de aço na bancada do relojoeiro na oficina, ao norte da entrada, para fazer um mecanismo de relógio. Se necessário, impulsionar metalurgia, falar com Dionísio sobre o que fazer em seguida.

Ele sugere fazer um boneco para confundir e desabilitar todas as armadilhas. Sentar-se na bancada de trabalho e fazer um boneco, com as instruções do sábio ancião. Agora coloque o boneco no calabouço (apenas falar com Dionísio na entrada da masmorra). Os controles são fáceis: apenas como andar normal. Durante esta parte, haverá uma luz roxa pulsante, todos os jogadores sensíveis a luzes piscando devem proceder com cautela. Uma atualização em 19 de julho adicionou uma interface para reduzir a frequência da luz.

Lembre-se: as salas com escada, tem uma armadilha cada em frente da escada. Os quartos com guardiões do fosso têm duas armadilhas cada. Exceto a sala com o scabaritas do poço, que tem apenas uma armadilha. Desativar todas as armadilhas andando sobre elas e, em seguida, retornar à superfície. Você pode tentar usar as escadas no último quarto que fará com que o sábio ancião ofereça retornar o boneco para primeira escada. Você pode agora inserir o calabouço com segurança.

Insira o calabouço e a primeira sala. Os monstros não são agressivos, mas vão começar a lutar depois de Dionísio atacá-los, o que ocorre quase que imediatamente. Especialmente sobre os monstros de nível inferior, mas também sobre o dragão, que pode causar danos superiores a 100, porém raramente maiores que 200. Veja abaixo sobre cada monstro e dicas para derrotá-los (em ordem de sala).

Cão do fosso (nível 52) - uma luta muito fácil. Dionísio sozinho deve ser capaz de matá-lo no prazo de 2-3 golpes. Matá-lo e entrar na próxima sala.

Ogro do fosso (nível 62) - igual o cão, é um adversário fácil. Apenas matá-lo e entrar na sala seguinte.

Titã do fosso de pedra (nível 120) - O titã de pedra pode causar pequenos problemas, mas atacá-lo com estilo de ataque "esmagar" e com a ajuda de seu companheiro, é possível derrotá-lo rapidamente. Ele deve causar danos com frequência, utilize antiatrito.

Scabaritas do fosso (nível 150) - não é muito preciso, mas atinge alto. Se necessário, usar antimíssil. Dionísio não vai causá-lo muitos danos, portanto depende principalmente de você.

Demônio negro do fosso (nível 172) - como demônios são fracos a magia, Dionísio vai causar bastante dano. Apenas atacá-lo até que ele esteja morto. Usar oração antiatrito.

Dragão de ferro do fosso (nível 204) - se você já lutou contra um dragão metálico antes, isso não deve ser difícil. Lembre-se de equipar um escudo antidragão, e beber uma poção antifogo (não é necessário). Se usar combate à distância (que é conveniente para a batalha final), ficar meio afastado e atacar o dragão, juntamente com Dionísio. Ele vai causar danos com bastante frequência. Atacá-lo até que ele morra. Usar antifogo com um escudo antidragão para anular todo o dano (usando combate à distância).

Agora entrar na porta final e falar com Dionísio. Se você está pronto para lutar, suba as escadas. Fale com Zenevivia - Dionísio vai tentar falar com ela, mas ela está muito irritada com ele e começa a batalha. Tentar derrotá-la com o sábio ancião. Ficar no vão entre as duas estátuas ou entre a estátua e a parede como é uma boa estratégia para evitar ser empurrado para trás por Zenevivia. Ela então pode ser atacada com um chicote ou outra arma de combate direto. Ela irá atacar ambos, você e Dionísio, com feitiços de sangue, que podem causar grandes danos e recuperar a vida dela, então usar antimagia em todos os momentos. Em primeiro lugar, atacá-la com combate à distância. Lembre-se de correr ao redor da sala! Ela vai lançar chamas a cada poucos segundos e se você não sair rapidamente, ela causará danos de 30 muito rapidamente (máximo de três por segundo), que não podem ser evitados.

Comer quando necessário e continuar atacando-a. Quando ela grita "Aha!" ela fará chamas em torno dela, e teleportar para as estátuas que você deverá destruir. Neste momento, ela vai usar antimíssil se você usar combate à distância ou antimagia, se você estiver usando magia. Dionísio ainda pode danificá-la, mas você não pode. Equipar uma arma de combate direto (de preferência uma alabarda dragônica, caso contrário você terá que ficar entre estátuas sendo atingido por chamas) e atacá-la com um quadrado de distância, caso contrário ela vai te chutar e lançar chamas onde você parar (você não pode se mover por um curto tempo após cada chute).

Você precisará usar corpo a corpo junto com magia/combate à distância (combate à distância bem mais recomendado) como ela teletransporta em torno de 4 estátuas. Ela faz chamas aparecerem nos pisos em que você está parado, portanto você deve se mover ao redor para evitar ser danificado pelas chamas. Quando ela perder bastante saúde, ela voltará ao chão da casa. Ataque com combate à distância novamente até que ela teleporte para outro pedestal da estátua. Após a última estátua, ela ainda irá atacar com feitiços de sangue, mas suas chamas se tornarão mais raras (uma a cada 6 segundos), mas irá cobrir uma área maior, cerca de 6 x 6 quadrados. Então execute de um lado da sala para o outro enquanto atirar flechas nela. Quando ela é derrotada, ficará no terreno em frente do trono. Falar com ela.

Não confie no sábio ancião para causar danos, porque ele não acerta com frequência, embora ele possa reduzir a saúde dela bastante se você é paciente e suportar tempo suficiente. Zenevivia não pode ser envenenada, e ela parece ter forte defesa contra corpo a corpo. Se você pretende usar corpo a corpo, é aconselhável trazer um super conjunto (poções super defesa, super ataque e super força). Dionísio pode ser danificado para tornar a sua barra de saúde toda vermelha, mas ele nunca vai morrer, como Saradomin vai curá-lo.

Se você não pode usar ou não tem alabarda, outra tática é trazer runas para qualquer feitiço de combate e atacá-la até que ela ative oração antimagia. Nesse momento, alternar para combate à distância. Você pode dar 1-2 golpes nela antes que ela mude a oração novamente. Se você teleportar durante a luta (ou entrar no calabouço seguro), Zenevivia terá a saúde restaurada quando você retornar. Você não terá que lutar contra os monstros do calabouço novamente, ou fazer o quebra-cabeça novamente. Para retornar, use um cinzel em uma tabuleta de casa e, em seguida, quebrá-la enquanto estiver próximo do sábio ancião, que estará na casa de Anja e Hengel, em Rimmington.

Um ataque especial da lança de Zamorak ou dragônica, derrubará ela fora dos pedestais, assim você poderá atacá-la normalmente. Esse ataque realmente torna a luta mais fácil do que usando apenas uma alabarda dragônica, que tem uma velocidade de ataque lento. Pode ser utilizado um anel de vida que irá levá-lo ao ponto de restauração - realmente útil se for Faladore - onde pode reabastecer em um banco. Caso contrário, basta inserir o calabouço e perguntar ao sábio ancião se ele pode teletransportar você para Faladore. Mudar sua casa para Rimmington também é útil, já que você poderá usar o Teleporte para casa e recuperar sua lápide mais rápido.

Depois derrotá-la, Dionísio dirá a ela sobre o roubo do banco de Draynor e que ele é um Mago de batalha egoísta, como ela, e ela vai confessar também ter saudades dele e eles perdoarão um o outro. Haverá um corte de cena e você voltará à Vila Draynor. Pedir o anel de Mabel a Zenevivia. Ela irá informá-lo que ela e Dionísio planejaram roubar a Torre dos magos para reabastecer suas fontes de runas e falam para você assistir através do telescópio.

Subir as escadas e olhar através do telescópio para assistir o roubo na Torre dos Magos. Depois de derrotar todos os magos, eles são atacados por um gigante Thingummywut, convocado por Traiborn aparentemente incompetente. Os jogadores não podem vê-lo, mas eles podem ter uma ideia da altura do monstro durante a cena. Ao retornarem, perguntar sobre o assalto e, em seguida, pedir o anel de Mabel e suas recompensas serão dadas e explicadas a você. Parabéns, missão completa!

Recompensas: 2 pontos de missão, 50.000 exp em construção e magia, 40.000 exp em artesanato e metalurgia, 30.000 moedas, habilidade de criar tabuletas de teleporte para casa, habilidade de utilizar a tabuleta de teleporte para casa lascada que leva para qualquer portal de casa do jogador, estilo de rochas obscuras para casa do jogador, custo dos empregrados amenizado em 25%, habilidade de construir calabouços em sala na casa do jogador, retornando para Mabel, você ganhará uma lâmpada de Mabel que concede 10.000 exp em qualquer habilidade superior ao nível 60.

Ao término da missão, falar com o guarda da árvore ao lado do banco de Draynor e cortar a árvore para receber 5.000 moedas, falando com Runvastr em Keldagrim após a missão e trazer seu diário (encontrado na estante na casa do sábio ancião), será possível converter o portal de teleporte de sua casa para Trolheim também (clique aqui para ver a localização de Runvastr, sul da loja de picareta de Keldagrim).

Categories:

5 Response for the "História de Amor"

  1. Muito bom realmente, a dica da lança dragônica foi muito boa, foi de grande utilidade, eu assistia videos nos quais as pessoas usavam a bag inteira para matar a zenevívia. Eu só precisei usar 7 corvinas. Realmente este blog da de 10 nos outros =D

  2. Anônimo says:

    bom guia, obg

  3. Anônimo says:

    depois da eoc ficou muito facil da pra faze sem comida e pray

  4. Anônimo says:

    vlw muitooooo, a quest é bem facinha, mas me ajudo a pegar a cape quest, deixei ela por ultimo, seu blog é nota 100. Foi o q me ajudo principalmente kk S2 kk

  5. Anônimo says:

    Duas lenhas não, Duas TÁBUAS DE CARVALHO.

Postar um comentário

Runescape Mouse Pointer